Pastores pressionam para aumentar decibéis em Moc

Os pastores evangélicos de Montes Claros se reuniram com o prefeito Humberto Souto, na terça-feira à noite, quando pressionarem a Prefeitura de Montes Claros a aumentar em 10 decibéis a lei municipal, mas conhecida como “Lei do Silencio”. Os pastores foram acompanhados pelo vereador Wilton Dias, do PHS, que é candidato na eleição desse ano e abraçou essa iniciativa, para buscar o proveito eleitoral. O Ministério Público emitiu parecer de que a iniciativa é ilegal e pretende tomar as providências necessárias. No mês de maio o vereador já tinha entrado com projeto para criar os Bombeiros Civis em Montes Claros, mesmo sendo ilegal. O projeto acabou arquivado.

 

 Mais detalhes na edição de amanhã do Jornal Gazeta Norte Mineira, versões impressa e online. (Foto: Divulgação).