PCdoB de Montes Claros aprova incorporação do PPL

O Partido Comunista do Brasil (PCdoB) realizou no último domingo a Conferência Extraordinária em Montes Claros para discutir a incorporação do  Partido Pátria Livre (PPL), em evento realizado no antigo auditório da Câmara Municipal, mas sem a presença da vereadora Maria Helena Lopes, do PPL, que deixou de comparecer ao evento. Com passagens pelo PTB e PDT, a vereadora está enfrentando dificuldades junto a seu eleitorado, por se filiar ao PCdoB. Ela alega que deixou de comparecer ao evento por que teve de comparecer a um velório e em nenhum momento observou o aspecto ideológico. Garante que a incorporação deixará o partido com dois vereadores fortes e com bases específicas.

O vereador Daniel Dias, do PCdoB explicou que a incorporação do PPL está em andamento pela direção nacional dos dois partidos, para discutir os termos dessa incorporação. Na Conferência em Montes Claros, comandada pelo ex-deputado Wadson Ribeiro, que é presidente estadual do PCdoB, foram eleitos nove delegados para representar Montes Claros na Conferência Extraordinária Estadual, no dia 23 em Belo Horizonte. Como deliberação local, foi aprovada a proposta de formar uma comissão de enlace com os membros das duas agremiações para discutir os andamentos e deliberado a necessidade da construção das chapas próprias para a disputa das eleições de 2020 na cidade. Na majoritária, o PCdoB deverá apoiar o PT para prefeito.

O histórico PCdoB sempre teve sua história marcada na pessoa do vereador Eurípedes Lipa Xavier, que foi vereador por três mandatos e, depois, candidato a deputado estadual. No ano de 2016, o professor Daniel Dias foi eleito vereador e na eleição de 2018, foi candidato a deputado estadual. (GA)