Unimontes busca pagamento de ajuda de custo aos professores

A reunião

A gestão superior da Unimontes estabeleceu uma série de metas a serem  alcançadas em 2020, que visam a assegurar a melhoria de suas ações e o pagamento da ajuda de custo aos professores da instituição. O plano de metas foi apresentado na  manhã de segunda-feira, em reunião entre o reitor Antônio Alvimar Souza, pró-reitores, diretores de centros, chefes de departamentos e coordenadores de cursos, na Sala dos Conselhos (prédio da Reitoria). Conforme o pró-reitor de Planejamento, Gestão e Finanças da Unimontes,  Aloysio Rocha Vieira, o pagamento da ajuda de custo aos professores está vinculado ao alcance das metas pactuadas anualmente com o Governo do Estado.

As atividades seguem as diretrizes do Programa Mineiro de Desenvolvimento Integrado (PMDI) e do Programa Plurianual de Ação Governamental (PPAG). Na reunião, o reitor Antônio Alvimar Souza ressaltou a disposição da gestão da Universidade de compartilhar as metas com os chefes de departamentos e coordenadores de cursos, objetivando, de forma democrática, o envolvimento da comunidade acadêmica na busca dos bons resultados para a garantia do pagamento da ajuda de custo aos professores. “Precisamos reforçar o nosso sentimento de universidade”, convocou o reitor.

O plano apresentado conta com nove metas que contemplam as áreas de ensino, pesquisa, extensão, pós-graduação e inovação. Foram definidas também propostas que visam à redução da evasão nos cursos de graduação, com a criação de novas regras para o preenchimento das vagas remanescentes. Os chefes de departamentos e coordenadores de cursos deram sugestões de iniciativas que podem facilitar o cumprimento  das metas. A implantação do novo portal de periódicos da Pró-Reitoria de Pesquisa, a implementação de novas regras para a ocupação das vagas remanescentes na graduação são as duas primeiras metas apresentadas aos diretores de centros, coordenadores de cursos e chefes de departamentos.

De acordo com o planejamento estabelecido, a Unimontes deverá alcançar o total de  8.200 alunos matriculados nos cursos de graduação no bimestre março/abril de 2020 e 8.400 acadêmicos no bimestre setembro/outubro de 2020. Da mesma forma, o objetivo é atingir 1.070 alunos matriculados nos curso de pós-graduação até outubro de 2020. A meta é que a quantidade de acadêmicos envolvidos em projetos de iniciação científica alcance 680 em março/abril de 2020 e 690 no bimestre julho/agosto de 2020. A instituição pretende ainda incrementar os seus projetos de inovação, com aprovação da Política de Inovação por meio de resolução do Conselho Universitário (Consu). Outras metas estabelecidas pela Unimontes são: criação de Avaliação Institucional pela Comissão Própria de Avaliação,  contar  professores (no mínimo 10) em processo de qualificação (cursos de mestrado e doutorado) até novembro/dezembro de 2020 e atingir o total de 2.300  alunos envolvidos em atividades de extensão universitária (novembro/dezembro/2020). (GA)