Norte de Minas tem sua primeira professora surda efetiva

A cidade de  Montes Claros sedia, a partir desta quinta-feira (28), o Congresso Norte Mineiro de Surdos, com uma novidade: tem a primeira professora universitária efetiva que é surda, pois, Rosana Froes Santos encerrou 19 meses de espera. Ela foi aprovada no concurso público da Universidade Estadual de Montes Claros e desde fevereiro de 2016 esperava a sua nomeação. Neste mês ela foi convocada e, agora, será empossada.

A presidente do Conselho dos Portadores de Defesa dos Deficiências, Veranicia Leite, explica que foram vários meses de lutas para ela ser chamada, pois, com isso, a Unimontes enfim terá uma professora com surdez para atuar nessa área.

Mais detalhes na edição de amanhã do Jornal Gazeta Norte Mineira, versões impressa e online. (Foto: Girleno Alencar)