Com confusão no fim, América leva virada do Oeste e vê distância para o Inter aumentar

Com gols no segundo tempo, o Oeste surpreendeu
o América-MG no Independência

Depois da derrota para o Internacional, o América-MG segue sem vencer na Série B do Campeonato Brasileiro. O Coelho perdeu de virada para o Oeste no Estádio Independência, em Belo Horizonte, pela 27ª rodada. Os visitantes, por outro lado, alcançaram seu sétimo jogo consecutivo sem perder, somando cinco vitórias e dois empates. Os gols foram marcados por Edno, por parte do América, e Mazinho (duas vezes) para o time paulista.

Com o resultado, os mineiros seguem na cola do Inter pela liderança do campeonato, enquanto o time de Itápolis, em sétimo lugar com 42 pontos ganhos, perdeu a oportunidade de encostar na zona de classificação à elite do futebol nacional. Na próxima rodada, os vice-líderes visitam o Santa Cruz, em Pernambuco, enquanto o rubro-negro recebe o Guarani.

O jogo – O primeiro tempo não teve gols, mas foi totalmente dominado pelo América-MG. O time da casa criou diversas oportunidades, levando muito perigo ao gol de Rodolfo. O esforço foi recompensado na segunda etapa, logo aos três minutos. Matheusinho foi empurrado por Guilherme Romão ao invadir a área, fazendo com que o árbitro Jailson Macedo Freitas apontasse a marca do pênalti. O ex-Portuguesa e Corinthians Edno bateu, deslocando o goleiro e abrindo o placar para o Coelho.

A desvantagem no marcador obrigou o Oeste a correr atrás do prejuízo. E o empate não teria demorado a acontecer, não fosse pelas duas chances claras perdidas por Gabriel Vasconcelos dentro da área da equipe mineira. Se o pênalti que a favor dos mandantes foi cometido por Guilherme Romão, o lateral se redimiu, sofrendo o pênalti que originou o gol de empate. Mazinho pegou a bola e, também descolando o goleiro, igualou o marcador no Independência aos 28 da etapa final.

E o que já era ruim para o América, ficou pior. Aos 37 minutos, Mazinho recebeu em profundidade, invadindo a área do time da casa, e bateu cruzado, superando o arqueiro João Ricardo. Virada do Oeste, de novo pelos pés de Mazinho.

Mesmo com os oito minutos de acréscimo, o Coelho não conseguiu reagir e sofreu sua segunda derrota consecutiva na Série B. (Gazeta Esportiva)