Henderson pede para Inglaterra não superestimar partida contra Croácia

Na véspera da semifinal da Copa do Mundo diante da Croácia, o meio-campista Henderson pediu para a seleção inglesa não valorizar demais a partida desta quarta-feira, mesmo que valha o retorno para a final da principal competição de futebol do planeta após 52 anos.

“Se ao longo de toda a Copa do Mundo viemos pensando partida a partida, devemos continuar fazendo isso e simplesmente concentrar no que temos que fazer contra a Croácia”, disse o jogador em entrevista coletiva.

O finalista da última Liga dos Campeões com o Liverpool destacou a capacidade de Gareth Southgate, treinador da Inglaterra, de resgatar a união do país ao montar uma boa equipe. “Acredito que é possível ver no campo tudo o que ele está acrescentando. Nos conhecemos muito mais. Diria que este é o grupo mais unido no qual estive”

Por fim, o jogador elogiou Lovren, companheiro de equipe, mas adversário desta quarta-feira. “É um zagueiro fantástico, apesar de ter recebido críticas em alguns momentos. Ele foi realmente genial nos últimos seis meses. Ele tem um ótimo caráter, dentro de campo e no vestiário. Obviamente, estou feliz de enfrentá-lo nas semifinais de um Mundial, mas espero que sua trajetória termine”.

Com time completo, a Inglaterra disputa a semifinal da Copa do Mundo às 15h (horário de Brasília), diante da Croácia, no Estádio Lujniki, em Moscou.