Presidente do Cruzeiro já tem nome para assumir a direção financeira do clube

Divino deve assumir a gestão financeira do Cruzeiro
Foto: ARQUIVO PESSOAL / DIVULGAÇÃO

O presidente eleito do Cruzeiro, Sérgio Santos Rodrigues, deve anunciar Divino Alves Lima como novo diretor financeiro do clube. "Estamos em tratativas. A decisão será do Sérgio, que é um querido amigo", disse Divino, em contato com o Superesportes. A informação foi adiantada pelo site Globoesporte. Divino já está auxiliando Sérgio em busca de operações financeiras para aliviar a situação do clube no momento. Ele tem mais de 30 anos de experiência em trabalhos em bancos e participou do início da gestão do ex-presidente Wagner Pires de Sá. Contudo, deixou o cargo depois de três meses.

Em março de 2018, Divino revelou sua frustração em uma carta. “Não tive a habilidade necessária para conviver com o contraditório pelo meu excesso de transparência, contundência e retidão!”. A reportagem apurou que ele estava irritado com a pouca responsabilidade financeira do departamento de futebol. Divino chegou a desabafar com amigos dirigentes de outros clubes sobre a situação crítica do Cruzeiro ainda em 2018.

Quando Zezé Perrella assumiu o futebol do Cruzeiro no fim de 2019, Divino recebeu convite para retornar ao clube. Porém, a passagem de Perrela foi tão rápida que não deu tempo de Divino regressar.

Com Wagner na presidência, a dívida do Cruzeiro cresceu muito. Nessa quarta-feira, o clube divulgou balanço financeiro referente ao exercício de 2019. O valor exato do déficit no período foi de R$ 394.100.974, conforme levantamento realizado pela Moore Stephens Consulting News Auditores Independentes. (Superesportes)