Retornos importantes e desfalques na partida de hoje

Em relação ao time, o treinador contará com os retornos do zagueiro Thiago Heleno e os volantes Matheus Rossetto e Lucho González, poupados no final de semana.

Em compensação, o lateral-direito Jonathan, com dores musculares e o meia-atacante Nikão, desgastado, são dúvidas. Já o meia Guilherme cumpre suspensão pelo terceiro cartão amarelo. Matheus Anjos e Bergson são as opções. No setor defensivo, o zagueiro Paulo André segue em recuperação de dores nas costas.

Para Rossetto, o time precisa dar a resposta e impor seu jogo, sendo mandante ou não, focado apenas no resultado positivo. “Independentemente de jogar o primeiro em casa ou fora, o importante é manter o foco. Contamos com a torcida e temos que fazer o nosso melhor dentro de campo. É um momento muito bom para a gente se reerguer. Não estamos em uma sequência boa, mas estamos buscando o gol e a vitória. Vamos fazer o nosso melhor na quarta-feira”, avaliou.

Por outro lado, o Cruzeiro abre a Copa do Brasil, contra o Atlético-PR, nesta quarta-feira, com problemas para formar sua melhor equipe. Na última semana, o meia Thiago Neves ficou fora tratando um problema na panturrilha direita. A expectativa era ter o jogador 100% no duelo contra o clube paranaense, mas isso não vai ocorrer.

Durante os trabalhos na Toca da Raposa II, nessa segunda-feira, Neves voltou a sentir dores na região e deixou os treinamentos mais cedo. Ele não viajou a Curitiba.

A expectativa é que Mano mantenha Robinho na posição. Assim, Arrascaeta, que atua ao lado esquerdo quando conta com a companhia de Neves em campo, passe ao centro do gramado – onde prefere aparecer.

Na direita, Mano terá de seguir com a improvisação de Lucas Romero. Isso porque Edilson segue entregue ao departamento médico. Vale ressaltar que Ezequiel está liberado e treina entre os reservas. (Gazeta Esportiva)