Sávio mostra personalidade, recebe elogios de Sampaoli e se credencia para ter sequência no Atlético

Foto: Bruno Cantini/Atlético

O que você fazia (ou pretende fazer) quando tinha (ou tiver) 16 anos? Seja qual for a sua resposta, dificilmente ela será tão surpreendente quanto é a de Sávio. Nesse sábado, o garoto foi titular da equipe profissional do Atlético pela primeira vez. E se saiu bem. Em 71 minutos em campo na vitória por 3 a 0 sobre o Goiás, o atacante criado nas categorias de base alvinegras se credenciou a ter mais oportunidades.

Não à toa, o desempenho no Mineirão rendeu elogios do técnico Jorge Sampaoli. “Sávio é um jogador muito jovem, que tem um grande futuro. Está treinando com os companheiros. Nós sabemos a capacidade que ele tem. Confiamos muito nele para o futuro”, frisou o treinador argentino, que admitiu tê-lo substituído por engano, por ter achado, de forma equivocada, que o garoto havia se machucado.

Segundo dados do SofaScore - especializado em estatísticas de futebol -, o garoto finalizou três vezes (duas no gol), acertou três dos seis dribles tentados, ganhou seis dos dez duelos travados e deu um “passe decisivo”. Defensivamente, contribuiu com um desarme. Mas, para além dos números, mostrou personalidade para continuar nos planos do treinador.

“O trabalho com Sávio foi bastante personalizado até que chegou a oportunidade de jogar de titular nesta idade. Também ocorreu pela necessidade do plantel, que é muito jovem, e teremos que substituir jogadores - neste caso, o Savarino, que está na seleção. Ele está fazendo parte de um plantel e tem que estar à altura e com a maturidade de jogadores de outra idade. Eu creio que hoje, no Brasil, há muitos jogadores com a capacidade de Sávio. Muitos, muitos. Só têm que jogar”, completou Sampaoli.

 

Sávio pode ser titular novamente do Atlético nesta quarta-feira, às 21h30, contra o Fluminense, no Mineirão, pela 16ª rodada do Campeonato Brasileiro. Isso porque o “dono” da posição, Savarino, segue à disposição da Seleção Venezuelana para a disputa das Eliminatórias para a Copa do Mundo de 2022. Deverá ser mais uma oportunidade para o garoto, de ascensão meteórica e futuro promissor.