Lixo em lotes vagos tira beleza da cidade e prejudica população, diz vereador

Vereador Ildeu Maia
Foto: ASCOM/CÂMARA

Um dos grandes problemas dos setores da saúde da prefeitura municipal tem sido em conter as pessoas que ainda insistem em jogar lixo e entulhos em lotes vagos próximos de suas casas e com isso aumenta o perigo para os moradores com a procriação do mosquito da dengue, infestação de ratos, escorpiões e todo tipo de bichos peçonhentos. O alerta foi feito pelo vereador, Ildeu Maia, (PP), de que os principais responsáveis pelo lixo e entulho nos lotes vagos têm sido alguns carroceiros desavisados, além de pessoas que querem protestar contra os lotes vagos e abandonados pelos proprietários (chamado de lotes de engorda) e, por isso mesmo ele foi á tribuna da câmara municipal e pediu a cooperação de todos que procurem descarregar o lixo e entulhos nos lugares apropriados que a prefeitura tem, e não nos lotes vagos por ser mais próximos. Maia disse que vem recebendo reclamações de vários moradores que tem lote vago próximo as suas residências e que tem sido alvo de pessoas que jogam lixo e entulhos nesses locais, colocando assim em risco a vida dos moradores.

O parlamentar lembrou que a prefeitura tem locais apropriados para que os carroceiros possam jogar os entulhos e com isso não trazendo nenhum dissabor para os moradores que não precisam ser penalizados com essas atitudes; “o que estou pedindo é para que alguns carroceiros que vivem fazendo o seu trabalho de levar entulhos para ser jogado fora, que façam isso nos locais apropriados e não nos lotes vagos, pois isso em trazido transtornos para a população que não merece ficar passando por esse tipo de problema. Na grande maioria das casas onde tem lotes vagos, tem crianças e elas tem sido principal alvo dos bichos peçonhentos e das muriçocas que não os deixam em paz. O problema é sério, mas a solução é simples, e basta para isso que os carroceiros pensem melhor, pois com esse tipo de atitude esta criando embaraço para os moradores que não tem nada a ver com essas questões. E com relação aos donos dos lotes vagos e que não são cuidados, é preciso que a prefeitura faça uma fiscalização mais rigorosa e aplique multas pesadas para que esses proprietários possam murar ou cercar o lote e cuidar dele para que não seja uma ameaça aos vizinhos. Se não tomar uma medida rigorosa, a prefeitura vai perder o controle da situação e os mais prejudicados são os moradores que paga os seus impostos e vivem dentro da lei, enquanto outros não. Espero que a fiscalização da prefeitura seja mais rigorosa e faça isso o mais rápido possível, pela saúde das crianças e dos moradores que tem lotes vagos como vizinhos.” Finalizou.