Coronavírus tem mais seis municípios com casos suspeitos

Os municípios de Grão Mogol, Guaraciama, Itacarambi, Juvenília, Luislândia e Ubaí são os novos casos suspeitos oficiais de coronavírus no Norte de Minas, no boletim oficial publicado pela Secretaria Estadual de Saúde, eles que apresentam 11 casos. Com isso, a região saiu de 35 para 41 municípios e de 193 casos na terça-feira para 241 casos em apenas 24 horas, o que implica em 48 novos casos. Porém os dados ainda fogem da realidade, pois somente em Montes Claros foram 167 casos notificados, enquanto o boletim estadual aponta apenas 40. Nas outras cidades os dados das Secretarias Municipais de Saúde são mais atualizados do que o boletim oficial.

Na cidade de Montes Claros, os dados são de 167 casos notificados, onde 125 são monitorados, ou seja, o paciente apresenta as características do coronavirus e fornece os dados aos agentes da Vigilância Epidemiológica. 40 casos foram descartados por critérios clínicos e epidemiológicos. Somente dois casos foram descartados através dos exames laboratoriais. 36 exames foram realizados, com a coleta do material dos pacientes, mas ainda não saiu o resultado. 89 pessoas aguardam a coleta do material, mas falta o kit fornecido pelo Estado e União. Quatro pacientes estão internados em hospitais, aguardando a resposta dos exames.

Os 241 casos nos 41 municípios do Norte de Minas estão distribuídos assim: Montes Claros (40), São Francisco (30), Japonvar (19), Janaúba (17), Varzelândia (16), Brasília de Minas (13), Bocaiuva (11), Pirapora (9), Várzea da Palma (9), Porteirinha (7), Januária (6), Urucuia (6), Jaíba (5), Buritizeiro (4), Indaiabira (4), Ubaí (4), Itacarambi (3), Manga (3), Nova Porteirinha (3), Capitão Enéas (2), Coração de Jesus (2), Divisa Alegre (2), Francisco Dumont (2), Icaraí de Minas (2), Jequitaí (2), Lontra (2), Mato Verde (2), Pintópolis (2), Santa Fé de Minas (2), Grão Mogol (1), Guaraciama (1), Ibiracatu (1), Joaquim Felício (1), Juvenília (1), Luislândia (1), Mamonas (1), Mirabela (1), Pai Pedro (1), Rio Pardo de Minas (1), São João da Ponte (1) e Vargem Grande do Rio Pardo (1).