Prefeitura de Januária apresenta plano de contingência em casos de desastres

A Prefeitura de Januária, por meio da coordenadoria municipal de Defesa Civil, na manhã de segunda-feira (16), apresentou o “Plano de Contingência Municipal”, elaborado para pronta resposta no socorro e assistência de vitimados; reabilitar os cenários dos desastres; restabelecer, o mais rápido possível os serviços públicos essenciais e o moral da população.

Segundo o prefeito da cidade, Dr. Marcelo Félix, a equipe de governo está sempre atenta à situações que possam provocar desastres “e com proximidade do período chuvoso nossa atenção redobra nos trabalhos de prevenção e no estado de alerta para dar o necessário suporte ao nosso povo, em especial nas áreas de risco”, complementou.

A secretária de Governo, Vanessa Borborema, que tem sido uma das grandes estrategistas na gestão das ações que envolvem a união de esforços de vários setores, coordenou a reunião com representantes do poder público municipal, do corpo de bombeiros, Tiro de Guerra e da Defesa civil municipal.

A cidade possui um histórico baixo de chuvas, entretanto, no período, grandes volumes de chuva num curto espaço de tempo são registrados, o que provoca transtornos e até mesmo grandes danos para a população. O município nos últimos 2 anos tem realizado obras de drenagem das vias, melhorando o escoamento das águas, entretanto, o volume pluvial tende a surpreender.

Os tremores de terra registrados em Mirabela na última semana que atingiu 2.2 graus na Escala Richter, confirmado pela estação sismográfica da Universidade Estadual de Montes Claros (Unimontes), coloca a adoção de um Plano de Contingência para casos de desastres como uma prioridade a ser implantado. O plano capacita e prepara o município para atuar de forma imediata nas diversas situações em que possa vir a acontecer.