Saúde marca frente para combater Aedes aegypti no Norte de Minas

O Norte de Minas realizará no dia 28 de fevereiro, em Montes Claros, uma grande frente para combater o mosquito Aedes aegypti, visando eliminar os seus focos e ainda notificar os casos suspeitos de dengue, Zika e febre Chikungunya. O assunto foi discutido na reunião da Comissão Intergestora do Norte de Minas, realizada sexta-feira, quando a referência técnica do Núcleo de Vigilância Epidemiológica, Ambiental e de Saúde do Trabalhador da Superintendência Regional de Saúde de Montes Claros, Agna Soares da Silva Menezes alertou os gestores para a necessidade do Norte de Minas intensificar as ações de combate ao Aedes aegypti.

Os levantamentos realizados em janeiro mostram que entre os 53 municípios que integram a área de atuação da Superintendência Regional de Saúde de Montes Claros, 35 localidades apresentam alta ou média incidência de focos do Aedes aegypti. Por outro lado, outros 24 municípios ainda não notificaram nenhum caso de dengue, Chikungunya ou de Zika vírus, nas últimas quatro semanas epidemiológicas.

“A atualização das notificações no Sistema de Informação de Agravos de Notificação – (Sinan) é de fundamental importância para que os governos Federal e Estadual tenham condições de acompanhar, em tempo real, a situação dos municípios. Caso necessário, é possível executar ações de intervenção que possibilitem conter o aumento das doenças transmitidas pelo Aedes”, salienta Agna Menezes.

Com base nos levantamentos, foram realizadas aplicações do Ultra Baixo Volume (UBV) pesado, também conhecido como carro do fumacê, nos municípios de Mamonas, Gameleiras, Mato Verde, Juramento e Francisco Sá. Nessa  semana o município de Capitão Enéas também será contemplado pelo UBV, que só é utilizado para conter o ciclo de transmissão de doenças transmitidas pelo Aedes aegypti quando todas as alternativas já executadas pelos municípios não obtiveram resultados positivos.

Com o objetivo de reforçar as ações de combate ao Aedes aegypti e os trabalhos de atendimento de pacientes, a Superintendência Regional de Saúde realizará dia 28 de fevereiro o Seminário Manejo Clínico das Arboviroses. O evento começará às 8h30min no auditório da Associação dos Municípios da Área Mineira da Sudene – (Amams), em Montes Claros. O público alvo será constituído por médicos, enfermeiros e demais profissionais de saúde que atuam nos serviços de atenção primária dos municípios.