Policial penal é preso preventivamente em Montes Claros

O policial penal suspeito de matar um adolescente, de 16 anos, em Montes Claros, foi preso na quarta-feira (5) depois que a Justiça expediu um mandado de prisão preventiva. Josué Nogueira foi assassinado com um tiro na cabeça, no dia 19 de julho, em frente à casa do policial.

No dia do crime, o homem chegou a ser detido em flagrante e foi solto horas depois. O pedido de prisão preventiva foi solicitado pelo Ministério Público e acatado pelo juiz Geraldo Andersen, titular da Vara de Execuções Criminais e Tribunal do Júri.

 

Entenda o caso

 

O crime aconteceu na madrugada no dia 19 de julho e Josué Nogueira, de 16 anos, estava com um grupo de amigos em frente à casa do policial na Vila Anália.

O suspeito alegou à polícia que o grupo teria jogado pedra e garrafas no telhado e por isso, ele saiu e atirou. A família contesta a versão e afirma que os jovens estavam conversando e o barulho teria irritado o servidor público.